terça-feira, 12 de agosto de 2014

CONFISSÃO DE UM AMOR SINCERO

Eu procurava por um amor para vida inteira e você apareceu.
Lembro bem como aconteceu.
Nossas almas ansiosas por conhecer uma a outra não paravam de falar. O tempo todo. Era tanta sintonia. Então pararam! O silêncio dominou. Descobriram que aquilo era um reencontro.Um já conhecia ao outro com perfeição.
Não sei se vamos estar juntos para sempre, o futuro não cabe em promessas. Sei que vou te amar até o fim. Sei porque sinto que meu amor não depende de nada, nem de ti. Porque eu te amo com o coração, com a mente e com o espírito. Um dia quando os dois primeiros perecerem, o último sobreviverá.
E meu amor estará nele. Eternizado.
Rachel Carvalho