sexta-feira, 3 de abril de 2015

Distante dos meus olhos....

Distante dos meus olhos e longe dos meus toques...
Mesmo assim sinto a tua presença em mim...
Você vem sempre acariciar a minha alma...
Você vem nas asas da saudade me libertar da solidão...


Como uma brisa suave a saudade vem-me beijar o rosto...

Ah amor que vem nas noites traquinas embalar os meus sonhos...
Amor que vem tecer os meus sonhos que parece tão real...
Ah amor tão distante, que mesmo assim me faz feliz...


Ah amor que esta tão perto do meu coração...
Parece que escuto os seus sussurros de amor...
Ah amor que sempre vem nos meus pensamentos...
Ah Amor que sempre aparece nos meus sonhos...
Tão distante e tão perto de mim esse amor...
Ah amor mesmo distante, que nunca vou deixar de te amar...


Ernane Rezende