sábado, 22 de agosto de 2015

Danço em homenagem...

Danço em homenagem ao sol
que se põe em esplendor.
Repleta de leveza...
ao ritmo do vento
suave e lento.
Inspirada no azul do céu 
e sua mistura de tons a colorir.
Encantada com o momento
do encontro entre o céu, mar
e o Sol a repousar.
Vejo desenhado no horizonte o luar
Teço esperança
Deixo-me envolver 
e me permito sentir 
esse espetáculo 
dentro de mim.

Neidinha Borges