quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Não duvide do...

Não duvide do valor da vida, da paz, do amor,
 do prazer de viver, em fim, de tudo que faz a vida florescer. 
Mas duvide de tudo que a compromete.
 Duvide do controle que a miséria, ansiedade, egoísmo,
 intolerância e irritabilidade exercem sobre você. 
Use a dúvida como ferramenta para fazer uma higiene
 no delicado palco da sua mente com o mesmo empenho 
com que você faz higiene bucal.
Augusto Cury