sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Amo(te) com o olhar,


Amo(te) com o olhar, sem toque nem
 palavras e em cada pestanejar entrego(te) ... 
O que de mais puro e verdadeiro existe em
 mim ...!
 Inês Clímaco