terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Viva seu presente

 Não espere que as pessoas 
lutem a sua guerra, 
chorem as suas lágrimas ou 
caminhem com os seus pés. 
Ninguém, por mais que deseje, 
consegue se colocar no seu lugar. 
Você é único e seu aprendizado é intransferível. 
Não crie expectativas. Não se debruce. 
Não espere reconhecimento. 
Peça ajuda quando precisar, 
mas não dependa de ninguém. 
Não se culpe. Não se cobre. 
Use as ferramentas disponíveis 
e evolua como puder. 
Agradeça por toda experiência, 
seja ela boa ou ruim. 
Abençoe seu passado. Viva seu presente. 
Creia que está fazendo o melhor que você 
pode e deixe sua consciência te aplaudir...
Juliana Nishiyama